Google+

Massagem Profissional

Logo CFM O Massagista e a Ética Profissional

A atividade do Massagista de Recuperação foi oficialmente aprovada em 1997, através da publicação do Boletim do Trabalho e do Emprego (BTE), I Série, n.º 7, de 22 de Fevereiro.

Neste documento, define-se como Massagista de Recuperação o trabalhador que dá massagens para fins médicos, visando ativar a circulação, cuidar de lesões musculares, eliminar gorduras e toxinas, e obter outros resultados terapêuticos.

A ética profissional é um conjunto de normas de comportamento aceitável mediante as quais uma pessoa realiza o seu trabalho com profissionalismo, tanto em benefício da sua reputação como dos seus pacientes / clientes, por exemplo, ser correto e honesto na publicidade ou em outro tipo de divulgação dos seus serviços enquanto massagista e/ou terapeuta manual.

Massagem Profissional
Massagem Profissional

O massagista, na sua formação, deverá ter bases de anatomia, fisiologia, técnicas de massagem e outras formas de manipulação corporal, psicologia e reabilitação física, de modo a garantir que o trabalho que desenvolve é uma verdadeira massagem profissional.

Deverá manter-se atualizado em matéria de conhecimento técnico a nível teórico e nível prático.

Em conclusão, o terapeuta deverá assumir-se como tal e organizar-se adequadamente a fim de manter o seu bem-estar físico, mental, emocional e social, de modo a exercer a sua atividade de uma forma digna e profissional.

 

 

Deixe um comentário

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.